porno sex sifresiz mac izle online film seyret r57 c99 shell


Família do Rio de Janeiro junta moedas para viajar ao Nordeste



1Em tempos de crise, brasileiros buscam alternativas para não deixar de aproveitar as férias. Uma família de São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, conseguiu uma maneira de viajar para lugares paradisíacos do Brasil sem comprometer a renda mensal. Em caixas e garrafas pet, eles juntam moedas acima de R$ 0,25 centavos e notas de até R$ 5. A família acredita que, se não fosse o método, não conseguiria viajar para destinos como Maceió e Fortaleza, onde estiveram nas últimas férias.

A recepcionista Monique Cleto, de 37 anos, conta que a ideia surgiu depois de observar que a sua mãe guardava moedas para conseguir pagar o IPVA do carro. Monique diz que adaptou a ideia para acumular ainda mais dinheiro e gastá-lo todo em viagens com a família.

“Minha mãe juntava moedas para pagar o IPVA do carro dela. E aí eu comecei a juntar também moedas para fazer alguma coisa. Então, tive a ideia para juntar moedas e notas para poder viajar. Não gasto de jeito nenhum notas de R$2, R$5 e as moedas de 25, 50 e de 1 real”, conta Monique.

A família já tinha conseguido ir para Fortaleza, mas o máximo do valor acumulado aconteceu em 2016, quando juntaram R$ 6 mil e pagaram à vista toda a viagem para Maceió. Segundo Monique, o esposo Raphael Paiva e a filha Júlia Paiva não acreditavam que seria possivel viajar, com tudo pago, juntando apenas moedas e notas de R$2 e R$5.

“Eles nao acreditavam que seria possivel juntar notas de 2, 5 e moedas para conseguir viajar. Mas eu nunca desisti. Eu tenho essa meta na minha vida que é viajar e conhecer vários lugares pelo Brasil e o mundo. E hoje, eles ajudam. É muito legal essa cumplicidade porque beneficia todo mundo”, diz Monique Cleto.

Monique diz que para esse ano de 2017 ainda está na dúvida para qual lugar vai querer conhecer com a família. Ela não escondeu a paixão que tem pelo Nordeste brasileiro. “Nosso próximo destino será Natal, no Rio Grande do Norte ou Porto de Galinhas, em Pernambuco. Mas também gostaria de conhecer os Lençois Maranhenses em uma outra oportunidade”.

Fonte: G1


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey