porno sex sifresiz mac izle online film seyret r57 c99 shell


Em Curitiba, homem diz que teve bilhete da Mega da Virada furtado



Um homem prestou queixa à Polícia Civil em Curitiba no primeiro dia de 2014 se dizendo apostador da Mega-Sena da Virada e que teve o bilhete furtado. Aníbal Fayez Marraui alega que fez a aposta na mesma casa lotérica que vendeu o bilhete premiado da capital paranaense.

O caso será investigado pela Delegacia de Furtos e Roubos de Curitiba, segundo Geraldo Celezinski, o delegado plantonista da Polícia Civil. Ele afirmou que a delegacia responsável deverá chamar Marraui para que ele dê detalhes da aposta que diz ter feito.

Os detalhes principais que a polícia vai querer saber, de acordo com o delegado, é em qual máquina Marraui teria feito a aposta na Cabral Lotérica, localizada no centro da cidade, e em que dia e horário isso aconteceu.

Dos quatro bilhetes premiados com a Mega da Virada, dois são do Paraná, sendo um de Curitiba, com aposta no valor de R$ 2. Cada bilhete premiado recebeu o prêmio de R$ 56,1 milhões.

Na queixa que prestou, Marraui, morador do bairro Fazendinha, na periferia sul de Curitiba, alegou que, às vésperas do Natal, deixou o carro com a irmã, que o levou para lavar em um posto de combustível. A aposta, que estaria dentro do carro, desapareceu.

A Caixa Econômica Federal informou que nesta quinta-feira (2) efetuou o pagamento aos dois bilhetes premiados do Paraná. Os ganhadores não serão identificados.

Segundo a Caixa, o prêmio é pago a quem apresentar a aposta premiada. A partir deste ano, os bilhetes terão um campo para o apostador poder escrever nele o seu CPF, de forma que o bilhete possa ser identificado.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey