porno sex sifresiz mac izle online film seyret r57 c99 shell


Flamengo: primeiros 90 minutos costumam definir título da Copa do Brasil



Extra

 

Os primeiros noventa minutos de um total de 180 na decisão da Copa do Brasil costumam ser a chave para a conquista do título. De um total de 24 edições da competição, em apenas três anos o time que perdeu o primeiro jogo conseguiu levantar a taça na segunda partida. O Internacional, em 1992, o Palmeiras, em 1998, e o Sport, em 2008, contrariaram a tendência e foram campeões. O que representa apenas 12,5% das vezes.

O Flamengo provou dessa estatística também. Campeão em 1990 e em 2006, venceu a primeira partida nas duas ocasiões. Em 2003 e 2004, só empatou com Cruzeiro e Santo André, e acabou sendo superado no jogo de volta e desperdiçando o título. Assim como em 1997, quando empatou com o Grêmio. Desta vez, contra o Atlético-PR, a tarefa é mais complicada. Em campo reduzido e com a torcida próxima transformando o Durival de Brito em um caldeirão.

— A gente sabe que tem uma pedreira grande pela frente. A responsabilidade sempre aumenta quando o Flamengo vai para uma final — disse Leo Moura.

Mas o Flamengo também terá apoio, mesmo que não comparado ao do Maracanã. Independentemente do resultado de hoje, a partida de volta tem tudo para lotar. O clube anunciou a venda de 44 mil ingressos e um total de ocupação de 55 mil lugares.

A venda para o público em geral foi antecipada para hoje, no site do clube. Amanhã as bilheterias serão abertas, mas somente se os cerca de 10 mil ingressos não esgotarem. Pensando no valor de R$ 250 da decisão no Maracanã, a diretoria definiu o preço para o jogo de domingo contra o Corinthians, pelo Brasileiro, entre R$ 60 e R$ 160, com direito a dois bilhetes por sócio-torcedor.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey