porno sex sifresiz mac izle online film seyret r57 c99 shell


Alagoas vai ganhar primeira fábrica de fibra ótica do Nordeste



141620_ext_arquivoO governador Teotonio Vilela Filho visitou nesta quinta-feira (26) as obras de construção da fábrica da ZTT, empresa chinesa especializada em material de fibra ótica. A visita contou com a presença dos empresários chineses no Polo Multifabril José Aprígio Vilela, em Marechal Deodoro, local onde será instalada a primeira unidade do grupo em toda a América Latina.

Segundo o governador, Alagoas tem crescido acima da média nacional nos últimos anos, o que justifica a escolha do grupo para instalação da primeira fábrica de fibra óptica do Nordeste. “Hoje, Alagoas inspira confiança nos investidores. Essa segurança é fruto do trabalho que o Governo tem feito para dar celeridade aos trâmites burocráticos e conceder incentivos às empresas”, afirmou.

A instalação da fábrica em Alagoas, cuja inauguração está prevista para outubro deste ano, foi facilitada pelos incentivos fiscais, creditícios e locacionais do Programa de Desenvolvimento Integrado do Estado de Alagoas (Prodesin). Os benefícios foram concedidos pelo Governo de Alagoas, por meio do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social (Conedes).

De acordo com o presidente da ZTT, Tom Qu, cerca de R$ 20 milhões estão sendo investidos na construção. A empresa deve gerar, inicialmente, 100 empregos diretos. “No primeiro ano, a empresa vai fabricar os cabos no Estado e importar as fibras óticas da China, mas nossa meta é fabricar a fibra em Alagoas nos próximos três anos e, com isso, nos tornarmos o maior fabricante de fibra óptica no Brasil e na América Latina”, revelou.

Segundo o secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico, André Paffer, a grande demanda do material no futuro colocará Alagoas na liderança do setor produtivo. “Até 2022, a fibra óptica será o único material definitivo de transmissão de dados na comunicação e boa parte utilizada no Brasil deverá ser substituída. Assim, o Estado estará pronto para atender a demanda do mercado brasileiro e da América Latina”, avaliou.

A empresa

Com 34 fábricas distribuídas mundialmente, a empresa chinesa é considerada uma das maiores fabricantes de material de fibra óptica no mercado mundial, com faturamento anual superior a R$ 7 bilhões. Em Alagoas, o montante previsto é de R$ 70 milhões somente no primeiro ano.

 

Assessoria


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey