porno sex sifresiz mac izle online film seyret r57 c99 shell


STF vai liberar novos trechos da delação da JBS nesta sexta



As gravações feitas pelo empresário Joesley Batista durante conversa com o presidente Michel Temer continuarão a fazer estragos nesta sexta-feira (19/5). Após o levantamento do sigilo do diálogo, determinado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin na quinta (18), a Corte prometeu divulgar novos trechos da delação feita por sete executivos da maior produtora de proteína animal do mundo. Além de Temer e do senador Aécio Neves (PSDB-MG), outros nomes de peso podem ser afetados, como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o senador Renan Calheiros (PMDB-AL).

Se o que vier pela frente tiver conteúdo no mínimo parecido com o de quinta (18), os ecos da delação da JBS vão ecoar forte nos bastidores do poder. No áudio divulgado ontem, por exemplo, Joesley e Temer conversam por mais de 30 minutos e uma grave acusação contra o presidente foi revelada: o peemedebista sabia e agia com naturalidade diante das tentativas de Joesley Batista de obstruir investigações da Polícia Federal e do Ministério Público.

Em um trecho da conversa, gravada no dia 7 de março no Palácio do Jaburu, o empresário demonstrou preocupação com os avanços da Operação Lava Jato e fez referência ao pagamento de suborno a juízes: “Então, aqui eu dei conta de um lado do juiz, então eu dei uma segurada, do outro lado do juiz substituto”. Temer questiona se Joesley “está segurando os dois” e, ao ouvir que sim, o peemedebista demonstra aprovação: “Ótimo, ótimo”.

 

 

 

Fonte: Metropoles


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey