porno sex sifresiz mac izle online film seyret r57 c99 shell


Velhos tempos de um Distrito Federal



Lembro-me bem do tempo em que o Distrito Federal era no Rio de Janeiro, então capital do Brasil.

Os dois, a cidade do Rio e o Distrito Federal confundiam-se e, por isto mesmo, eram administrados por um só gestor: o prefeito do Rio ou, como queiram o prefeito do Distrito Federal.

O detalhe é que aquela autoridade era nomeada pelo presidente da república,  assim como o eram os antigos territórios, então existentes em nossa república.

O controle era maior, as coisas funcionavam bem, o Rio crescia sob a égide da república, até porque era lá o centro das decisões políticas do país.

Lembro-me ainda que o mais famoso prefeito do Rio foi o General Ângelo Mendes de Moraes, nomeado pelo presidente Eurico Gaspar Dutra, em 1946 e construtor do Maracanã, inaugurado em 1950 para a Copa do Mundo daquele ano.

Pois bem. Acho que o Distrito Federal de hoje, em Brasília, capital da república, deveria voltar às velhas regras e o seu administrador ser nomeado e exonerado, dependendo do trabalho que por lá realizasse.

Afinal, capital da república deve ser responsabilidade da república, não é?

Tentar-se-ia evitar, pelo menos, a grande vergonha de ver governadores eleitos sob absoluta suspeição.

É hora de começar a mudar este Brasil ainda que alguns retrocessos tenham que ser adotados.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey