Em visita ao Hospital Santa Rita prefeito de Palmeira reafirma parceria e diz que é preciso acabar cobrança na porta de entrada



Assessoria

 

O prefeito de Palmeira Júlio Cezar fez hoje (13) fez uma visita de apoio ao Hospital Regional Santa Rita, importante instituição para o município e toda a 8ª região de saúde. Na ocasião, o prefeito confirmou o repasse dos funcionários do mês de novembro para as próximas 48 horas e também garantiu o repasse de dezembro para os próximos dias.

Segundo o prefeito, o objetivo da nova gestão é trabalhar um novo contrato com o Hospital para garantir a seriedade dos repasses e honrar esses contratos para que sejam pagos em dia aos servidores. “Estamos com um estudo abrir novos serviços e ampliar os que já existem no Hospital. Todos nós precisamos do Hospital: eu, minha mãe, vocês que estão aqui e a população. Esse novo governo não quer fazer política, quer ajudar a fazer o hospital funcionar de maneira plena. Temos um repasse referente ao mês de novembro, de um milhão e setecentos mil, que em quarenta e oito horas devem estar disponíveis nas contas do Hospital. O repasse de dezembro depende apenas de alguns ajustes, mas também já estão sendo encaminhados”, garantiu.

E continuou. “O Hospital é um patrimônio de todos, e principalmente de Palmeira dos Índios. O que é do Hospital vai ser do Hospital, e o que é da gestão vai ser da gestão. Temos o dr. Márcio, o dr. Emílio e a secretária Katia Born que são interlocutores em todo esse processo. Começamos as tentativas para atender o que mais a população, em lágrimas, nos pediu durante a campanha: que o Hospital deixe de cobrar para fazer atendimento. A UPA vai continuar fazendo o atendimento de urgência e emergência, mas aquela pessoa que está com a pressão alta ou precisa de atendimento ambulatorial, no horário em que os postos estão fechados, devem ser atendidas pelo Hospital. Vamos chegar a um entendimento sobre isso. A ala azul precisa estar aberta  e esta não pode ficar fechada para a população”, finalizou o prefeito.

O prefeito Júlio visitou todas as dependências do Hospital, conversou com funcionários e diretores e levou palavras de carinho e conforto aos doentes.

Este slideshow necessita de JavaScript.


4 comentarios sobre “Em visita ao Hospital Santa Rita prefeito de Palmeira reafirma parceria e diz que é preciso acabar cobrança na porta de entrada”

  1. Andréia disse:

    Finalmente uma ideia para ajudar os que realmente precisam. Ufa, será?

  2. Maria disse:

    Que seja reaberto o hospital com profissionais comprometidos com a população, pois levei meu irmão para lá em situação de urgência (Frise-se que é “particular”) e o Senhor médico que estava de plantão estava dormindo e passou uns 40 minutos para atendimento, vale frisar que eles tem que realmente p descanso, mas se eles trabalham em plantão, sabem como funcionam!! E outro dia que fui houve troca de plantão e era 08:00 da manhã e não havia médico, somente a técnica de enfermagem!!!

    A reabertura é essencial, mas o comprometimento dos médicos com a população é fundamental!!

  3. Anônimo disse:

    Bom dia!
    O Sr. Prefeito tem a obrigação de liberar o pagamento dos funcionários do hospital que está atrasado a mais de quinze ( 15 ) dias. Visita e foto não enche a barriga e nem paga conta de ninguém. Por gentileza Sr. Prefeito cumpra com o que prometeu que iria liberar o dinheiro para o pagamento dos funcionários do hospital. Os funcionários não estão lhe pedindo nada, só querem o que é de DIREITO deles, pois trabalham todos os dias.
    Cordialmente.

    1. PALMEIRENSE disse:

      E DESDE QUANDO OS SERVIDORES DO HOSPITAL SÃO PAGOS PELA PREFEITURA?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey