porno sex sifresiz mac izle online film seyret r57 c99 shell


CSE anuncia três reforços para o Campeonato Alagoano de 2014

Zagueiro Lucas Galdino, lateral-direito Thiago Maciel e meia Rafael Ribeiro vão fazer parte do elenco Tricolor no Estadual da próxima temporada



Globoesporte

O CSE anunciou nesta terça-feira (19) mais três reforços visando ao Campeonato Alagoano da próxima temporada. O zagueiro Lucas Galdino, o lateral-direito Thiago Maciel e o meia Rafael Ribeiro vão vestir a camisa tricolor no Estadual.

Com 23 anos, Lucas Galdino, revelado pelo Flamengo, chega ao time de Palmeira dos Índios depois de uma passagem pelo Macaé. Meio-campista, Rafael Ribeiro chega com a experiência de ter atuado no futebol europeu, com passagens por países como Itália e Bulgária, e já defendeu também o Grêmio Maringá.

Dos reforços anunciados nesta terça, o mais experiente é o lateral-direito Thiago Maciel. O jogador, de 31 anos, começou no Vasco e passou por Ipatinga, Duque de Caxias, Guarani e Ypiranga-RS. O seu último clube foi o Bonsucesso, equipe que conseguiu o acesso para a Primeira Divisão do Campeonato Carioca deste ano.

Helenildo Ribeiro Neto, presidente do CSE (Foto: Denison Roma / Globoesporte.com)

Presidente do CSE disse que objetivo é fazer um
time forte e que possa atrair os torcedores
(Foto: Denison Roma / Globoesporte.com)

Segundo o presidente do CSE, Helenildo Ribeiro Neto, os atletas devem se apresentar no novo clube no início da pré-temporada, marcada para o ia 02 de dezembro e vai começar a ser realizada na cidade de Quebrangulo, com os trabalhos físicos.

Helenildo falou ainda que outras contratações estão bem encaminhadas e que novos atletas devem ser anunciados ainda nesta semana.

Estamos buscando jogadores para todas as posições, mas as nossas prioridades maiores são zagueiros e volantes. Os contatos estão bem encaminhados e tudo está sendo feito com o acompanhamento do nosso técnico [Moacir Pereira].

Perguntado se a diretoria palmeirense pensa em contratar algum jogador chamado ‘bilheteria’, a exemplo do que foi feito com o atacante Túlio Maravilha, no Alagoano de 2012, Helenildo disse que o objetivo é montar uma equipe ‘bilheteria’.

– Não pensamos em trazer nenhum jogador bilheteria. O ideal é que todo o time seja competitivo e possa trazer a torcida para o estádio, ajudando o CSE a conquistar os seus objetivos – concluiu o mandatário.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey