porno sex sifresiz mac izle online film seyret r57 c99 shell


Alagoas se destaca no turismo e fecha 2016 em alta



1O ano de 2016 foi marcado pela retração econômica, o que impactou diretamente o turismo, diminuindo a chegada de visitantes a diversas regiões de todo o Brasil. Mesmo diante do cenário desfavorável, Alagoas se destacou, apresentando indicadores positivos, ampliando a sua malha aérea e estruturando a hotelaria no Estado.

 

De acordo com dados da Infraero, o fluxo de passageiros no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, no acumulado até o mês de novembro, cresceu 1,07%, quando comparado ao mesmo período de 2015. Outros destinos turísticos da região, Ceará, Sergipe e Pernambuco apresentaram queda de -14%, -20% e -4%, respectivamente.

 

Os hotéis de Alagoas também obtiveram bons resultados. Levantamentos da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) mostram que a taxa de ocupação hoteleira acumulada até novembro foi de 69,7%, contra 67,8% do ano passado, crescendo 2,8%. A expectativa é que Alagoas receba 70 mil turistas para as festas de fim de ano e 500 mil durante a alta temporada.

 

Essas estatísticas são resultados de uma série de ações desenvolvidas pela Sedetur em 2016 visando o desenvolvimento do turismo alagoano.

 

“Desde o trabalho realizado com os incentivos fiscais para garantir mais voos e consequentemente mais desembarques, até o trabalho de promoção do destino nos principais mercados emissores, utilizando as mídias tradicionais e trabalhando massivamente nas mídias digitais. Este é um exemplo da Alagoas que dá certo e que vai continuar crescendo em 2017”, afirmou o secretário de Estado Desenvolvimento Econômico e Turismo, Helder Lima.

 

Promoção do Destino

 

Ao longo do ano, a Sedetur participou de feiras e eventos que reuniram importantes atores dos trades nacional e internacional, onde divulgou os principais atrativos do Estado e firmou importantes parcerias. Entre os encontros, destacam-se a FIT 2016 – Feira Internacional de Turismo da América Latina – na Argentina; a Festuris – Feira Internacional de Turismo, em Gramado; a Abav Expo Internacional de Turismo, em São Paulo; e o Hiper Feirão Flytour, em Santos.

 

Além disso, 84 páginas foram publicadas sobre o potencial turístico do Estado foram veiculadas em periódicos de dentro e de fora do Brasil, através de mais articulações da Secretaria. Além disso, capacitações foram promovidas para qualificar agentes de viagem no Brasil e na Argentina, realizadas para aumentar a visibilidade do destino.

 

Campanha

 

A campanha Alagoas te faz feliz foi lançada com a proposta de divulgar os atrativos do Estado dentro e fora do País. Anúncios publicados em veículos especializados e vídeos divulgados nas redes sociais apresentaram o que Alagoas tem a oferecer ao público.

 

Outra ação da campanha foi o aplicativo Turismo Alagoas. Através dele, é possível acessar os horários de funcionamento de bares e restaurantes, as localizações de hotéis e pousadas e descobrir como chegar até os pontos turísticos alagoanos, além de informações sobre o artesanato local. Com design intuitivo, a ferramenta já está disponível para iOS e Android.

 

Foram confeccionados porta-chaves, displays de mesa, cartões postais e totens com informações, imagens e QR Codes (para download direto do app Turismo Alagoas). Os objetos serão disponibilizados em bares, restaurantes, hotéis e shoppings.

 

Malha aérea

Desde setembro, Maceió conta com voos nacionais semanais para São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), Belo Horizonte (MG) e Porto Alegre (RS), além de fretamentos internacionais para Buenos Aires e Córdoba, na Argentina.

 

A captação de novos voos são provenientes, também, da redução do combustível de aviação em Alagoas. A medida reduz de 17% para 12% a alíquota do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) do querosene de aviação.

 

Na prática, a regulamentação posiciona Alagoas como um dos Estados mais competitivos do País para atração de novos voos, por reduzir a carga tributária para o segmento, uma vez que o custo com o combustível representa 35% do valor gasto pelas companhias, o que acaba determinando a distribuição dos voos pelo país de acordo com a competitividade do ICMS praticado.

 

Uma das principais reivindicações de Alagoas junto à Infraero, a instalação dos Fingers do Aeroporto Zumbi dos Palmares, foi atendida graças a uma articulação da Sedetur. As 4 novas pontas de embarque vieram de Florianópolis (SC) e foram instaladas, no dia 29 de setembro, para possibilitar que os passageiros desembarquem com mais conforto e segurança.

 

 

Demanda do trade há vários anos, as placas de sinalização turística foram instaladas por todo o Estado. Elas indicam os municípios turísticos e os principais atrativos, facilitando a chegada dos visitantes aos cartões postais de Alagoas. Ao todo, foram 52 placas instaladas, sendo 15 na região Caminhos do São Francisco, 7 na região dos Quilombos e 30 no Litoral alagoano.

 

Exposições e festivais

As exposições Alagoas é Muito Mais foram mais uma iniciativa da Sedetur para potencializar a divulgação dos destinos do Estado, além de aproximar o público da história e das particularidades de Alagoas, através de fotografias, gastronomia e artesanato. A primeira delas explorou a região Caminhos do São Francisco, a segunda abordou os litorais norte e sul, já a terceira retratou a região dos Quilombos.

 

A culinária alagoana foi outro fator enaltecido durante a temporada. Dois grandes festivais aconteceram e encantaram quem teve a chance de visita-los. O Festival da Lagosta aconteceu em novembro e contou com 21 restaurantes e estabelecimentos locais, sob a batuta de chefs renomados, que serviram pratos especiais preparados com o crustáceo, explorando a rica culinária do Nordeste.

 

Com intuito de exaltar a cultura afrodescendente e apresentar os diversos aspectos que compõem a identidade dos Quilombos, o Festival Quilombola aconteceu entre os dias 17 e 20 de novembro e celebrou o mês da consciência negra. Culinária, artesanato, música e oficinas compuseram a programação do evento.

 

Fonte: Agência Alagoas


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Estadão Alagoas 2016 | Todos os Direitos reservado - Desenvolvido por Interactive Monkey